Mais pobres foram os que perderam mais rendimento no governo de Bolsonaro

Anúncios

De acordo com o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, os brasileiros mais pobres perderam rendimento no governo de Bolsonaro. O IPEA se baseou nos dados obtidos pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio Contínua (PNAD Contínua), que é realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE).

Os dados divulgados pela instituição revelam que o rendimento das pessoas com renda inferior a R$ 1.646,78 caiu nos últimos trimestres do ano. Já os brasileiros que têm renda entre R$ 2.461,02 e R$ 16.442,40 tiveram o melhor desempenho do país. Quer saber mais detalhes do que a pesquisa revelou? Então continue lendo o nosso artigo!

Anúncios
rendimento no governo bolsonaro
Entenda por que os mais pobres foram os únicos a perder rendimento no governo Bolsonaro! (Foto: Divulgação)

Por que os mais pobres perderam rendimento no governo de Bolsonaro

O IPEA mostrou em sua pesquisa que, nos três primeiros trimestres de 2019, os brasileiros que perderam mais renda foram aqueles que ganham menos que R$ 1.643,78. De janeiro a março, o rendimento dessas pessoas cresceu apenas 0,10%. Já de abril a junho, essas pessoas perderam 1,43% de sua renda. No trimestre seguinte, a queda continuou. Isso porque os brasileiros mais pobres perderam 0,34% de seu rendimento de julho a setembro.

Anúncios

De acordo com Maria Andreia Parente Lameiras, uma das pesquisadoras do IPEA, a queda do rendimento dessas pessoas tem duas justificativas. Em primeiro lugar, os ganhos nominais dessas pessoas foi menor nesse ano. Depois disso, a inflação corroeu o salário delas já que as contas dessas pessoas ficou mais cara e pesou ainda mais no seu bolso.

Anúncios

Para provar que a inflação foi mais dura para os brasileiros mais pobres, a pesquisadora citou um dado do IPEA, que mostra que, em novembro, a inflação foi de o,54% para eles. Já para as pessoas com renda maior que R$ 1.643,78, o percentual foi de apenas de 0,43%.

Ainda assim, a pesquisadora espera um cenário mais positivo para os próximos meses. Segundo ela, os brasileiros de todo tipo de renda devem apresentar rendimento positivo no final desse ano e nos próximos trimestres. Segundo ela, os desempregados provavelmente serão contratados. Além disso, Maria acredita que aqueles que já estão trabalhando acabarão tendo uma renda maior.

Considerações finais

Isto posto, nós do Conseil Credit esperamos ter esclarecido por que os brasileiros mais pobres perderam rendimento no governo de Bolsonaro. Comente o que você achou desse primeiro ano do presidente. Além disso, se você quiser saber mais notícias relacionadas à economia do país, continue acompanhando o nosso site!

previdência militar

Bolsonaro concede privilégios à Força Armada ao sancionar Previdência militar

sacar o FGTS

Pessoas que nasceram em novembro e dezembro já podem sacar o FGTS

Anúncios