Como ser uma pessoa culta sem gastar muito dinheiro

Anúncios

Por muito tempo, pessoas humildes acharam que algumas formas de entretenimento eram muito inacessíveis para elas. Quem nunca ouviu falar que ir ao museu é programa de rico? Realmente, para quem é humilde fica mais difícil investir em arte quando nem todos os museus apresentam uma linguagem acessível e preços atrativos. No entanto, hoje as coisas já não são mais assim. Por esse motivo, vamos dar hoje dicas de  como ser uma pessoa culta sem gastar!

Para isso, tudo o que você precisa é disposição para pesquisar e, talvez, se deslocar por aí. Quando nós falamos em cultura, não é só de exposição em museu que estamos falando. No entanto, é assim que muita gente entende o conceito de cultura. Trata-se de algo que não faz parte de seu ambiente e que, portante, não faz parte de si. Tendo esse pensamento equivocado em vista, queremos mostrar que cultura não se consegue apenas com dinheiro. É possível sim ser uma pessoa culta e que não gasta dinheiro para ser assim.

Anúncios
como ser uma pessoa culta sem gastar
Confira como ser uma pessoa culta sem gastar! (Foto: Superinteressante)

3 dicas de como ser uma pessoa culta sem gastar

Antes de você aprender como ser uma pessoa culta sem gastar, gostaríamos de apresentar uma visão diferente do que é cultura. Como muita gente tem esse conceito como algo inacessível, é importante alinhar nossas perspectivas para que você entenda o que vem a seguir. Em linhas gerais, o termo cultura pode ser definido como uma rede de significados que dão sentido ao mundo. Assim, todos os elementos pelos quais a sociedade se manifesta fazem parte dessa cultura.

Uma vez que nós não podemos estar o Império Romano, os museus e livros guardam elementos desse período para que nós possamos compreendê-lo. Nesse contexto, quem conhece elementos variados de culturas e sociedades variadas é que é tido como alguém culto. O problema dessa concepção é que muita gente enxerga cultura como algo que só é válido quando um museu resolve divulgar. Assim, deixam-se de lado os livros, as músicas, as performances e muitas outras maneiras de manifestação cultural.

Anúncios
Anúncios

Tendo isso em vista, apresentamos a seguir 3 dicas para que você tenha acesso a tipos diferentes de cultura. Lembre-se ainda que, para conhecê-los, é necessário perder de vista uma noção pré-concebida do que é ou não culto. Veja como a sociedade atual se organiza, apreenda as diferenças e enxergue a beleza de cada uma. Dito isso, as nossas dicas são:

  1. esteja atento às manifestações culturais em suas mais variadas nuances;
  2. tenha em mente as culturas e sociedades que deseja conhecer;
  3. fique ligado nos museus, escolas e espaços colaborativos de sua cidade para saber sobre eventos gratuitos.

E então, o que achou sobre essas dicas? Talvez você não imaginava que as dicas de como ser uma pessoa culta sem gastar contemplariam coisas tão simples quanto qualquer sociedade. É que não há uma coisa que seja melhor do que a outra. Saber disso é o primeiro passo em direção da sua formação enquanto uma pessoa culta. Por fim, não se envergonhe por querer aprender de graça. Enquanto cidadão brasileiro, é um direito seu.

Jeff Bezos compra a mansão

Jeff Bezos compra a mansão mais cara de Los Angeles

séries que falam de dinheiro

Séries que falam de dinheiro para maratonar na Netflix